Sindicato dos Jornalistas do Estado do Rio

SJPERJ apoia projeto em favor da Voz do Brasil

Posted by sindicatodosjornalistas em agosto 5, 2012

A diretoria do Sindicato dos Jornalistas Profissionais do Estado do Rio de Janeiro (SJPERJ) apoia integralmente a manutenção do programa Voz do Brasil no horário histórico de 19 às 20 horas.  Flexibilizar o horário, como defendem alguns setores midiáticos, significa na prática acabar com o histórico programa, pois não haveria como fiscalizar as estações de rádio existentes em praticamente todos os 5.556 municípios brasileiros.

O SJPERJ apoia o projeto do Deputado Fernando Ferro, do PT de Pernambuco, tornando a Voz do Brasil Patrimônio Cultural Imaterial do Povo Brasileiro e exorta a Ministra da Cultura, Ana Holanda, a se empenhar no sentido de tornar efetivo este projeto e encaminhá-lo à Presidência da República para posterior sanção.

O projeto tem razão de ser não apenas por ser a Voz do Brasil um espaço informativo acompanhado por milhões de brasileiros nos mais diversos rincões do país, não raramente a única fonte informação desses cidadãos, como também pelo fato do programa jornalístico contribuir, desde o seu início há 77 anos, para a integração nacional, como a Rádio Nacional.

E vale assinalar que se o projeto de flexibilização do horário da Voz do Brasil for aprovado, seria necessário um parecer do CCS. Daí o interesse da Abert na ativação do CCS e a pressão da entidade.

A diretoria do SJPERJ exorta os integrantes do Conselho de Comunicação Social (CCS) , recém ativado pelo presidente do Senado, José Sarney, poucas horas antes do recesso legislativo de julho, a se posicionarem em favor da manutenção do horário da Voz do Brasil.

O SJPERJ, como demais entidades que se mobilizam em favor da democratização dos meios de comunicação, sempre apoiou o CCS, que foi desativado de forma ilegal em 2006, mas não pode deixar de se manifestar contra o casuísmo resultante da ativação do Conselho, ordenada poucas horas antes do início do recesso legislativo de julho.

A diretoria, mesmo reconhecendo que não houve ilegalidade na ativação do CCS, no entanto expressa também seu repúdio à forma com que foram indicados os integrantes do CCS, sem consulta de qualquer espécie às entidades representativas da sociedade brasileira.    .  

Por fim, a diretoria do SJPERJ espera que os senhores parlamentares que estão debatendo o projeto em tramitação na Câmara dos Deputados visando a flexibilização do horário da Voz do Brasil,  que repudiem a medida e se somem aos esforços no sentido de manter o horário da Voz do Brasil de 19 às 20 horas.

.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

 
%d blogueiros gostam disto: